Rodízio de shampoo: como funciona e por que fazer

Categorias: Beleza
rodizio de shampoo

Você já ouviu falar no rodízio de shampoo? Esse é um esquema de tratamento capilar que vem se popularizando, principalmente por parte de quem tem a impressão de que determinado produto já não surte mais o efeito desejado em seus fios.

Baseado na alternância de tipos de shampoo utilizados em cada lavagem, a ideia é bem simples — e pode trazer resultados bem legais para o aspecto do seu cabelo!

Quer saber mais?

Então continue acompanhando este artigo até o final e descubra como montar o seu rodízio de shampoo de acordo com as características do seu cabelo.

E se você busca tratamentos profissionais para cuidado dos fios, cadastre-se gratuitamente no app do Trinks e encontre as melhores opções perto de você!

Quais são os benefícios de fazer o rodízio de shampoo?

o que e rodizio de shampoo e como fazer
Imagem: Canva.com

Uma das maiores vantagens de fazer o rodízio de shampoo é que a alternância entre os tipos faz com que seus fios não se acostumem aos princípios ativos dos produtos.

Isso é importante porque, ao se acostumar, esses componentes param de surtir efeito no cabelo. E assim, podem até mesmo gerar os temidos “efeitos rebotes” — que ocorrem quando os produtos surtem efeitos contrários ao desejado.

Ou seja: fazer a alternância de shampoos garante que a hidratação e a nutrição dos seus fios ocorram de maneira correta com os produtos utilizados.

Além disso, outra vantagem é que essa variação entre o uso dos tipos de produtos para o cabelo faz com que todas as necessidades capilares sejam atendidas.

O que é ótimo!

Principalmente para quem sofre com oleosidade excessiva, ou com fios muitos fracos…

Como fazer o rodízio de shampoo?

o que e rodizio de shampoo e como fazer
Imagem: Canva.com

O primeiro passo para montar o seu rodízio de shampoo é buscar compreender primeiro quais são as principais características dos seus fios.

Abaixo, listamos alguns exemplos de condições capilares que podem te ajudar:

  • Liso;
  • Enrolado;
  • Crespo;
  • Seco;
  • Oleoso;
  • Com frizz;
  • Fino;
  • Grosso;
  • Volumoso;
  • Pintado;

Assim, depois de analisar as condições do seu cabelo, a ideia é que você separe as principais. E assim, possa dar sequência à escolha dos shampoos.

Vamos a um exemplo?

Imagine que seu cabelo seja colorido, fino e enrolado. Então, a ideia é que você utilize shampoos para atender a essas três características.

Mas além desses três shampoos, também é importante que você ponha em seu rodízio um shampoo neutro.

E isso porque, independente do tipo de cabelo, todos precisamos usar um shampoo neutro, como o micelar, um de pré-tratamento ou antirresíduos.

Em seguida, o próximo shampoo que você deve escolher tem de ser um que tenha mais a ver com o seu tipo de cabelo. É colorido? Então escolha um segundo shampoo para cabelos tingidos.

Além disso, ele também é enrolado? Escolha um terceiro para cacheados.

E assim por diante… Experimente escolher, pelo menos, três tipos de shampoo, para melhor observar os efeitos em seu cabelo.

Leia mais: os cuidados com o cabelo platinado que você precisa conhecer

Dica Trinks! 💡

Não importa quantas vezes você lave o cabelo, experimente fazer essa alternância entre shampoos e observe como o seus fios ganharão mais vida.

Além disso, tente sempre combinar o uso do shampoo com o condicionador da mesma linha que você estiver utilizando. Isso é importante porque o shampoo contém propriedades que alteram o PH dos fios, enquanto o condicionador vem para reequilibrar e selar as cutículas.

Leia mais: dicas para quem vai passar pela transição capilar

E então, o que achou dessas dicas de cuidados com os cabelos que o Trinks separou para você? Conte para gente aqui nos comentários! 😉

sobre o autor:

Redatora e produtora de conteúdo, escrevo sobre as novidades do mundo da beleza.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *